|
Enxergar a criança como um todo: um ser que precisa de alimento, mas também de cultura. Quando se presta assistência aos 730 africaninhos do centro de acolhimento de Muzumuia se pensa na educação, nos cuidados básicos e principalmente nos estímulos que eles tanto carecem em receber. O trabalho de uma professora de Campo Grande (MS)...
|
O relógio já marcava mais de meio-dia em Ambovombe, ao sul da ilha de Madagascar, enquanto panelões cozinhavam refeições. O alimento teve de ser triplicado para atender às famílias que aguardavam dentro e fora do centro de acolhimento, sede da Fraternidade Sem Fronteiras na região. As boas novas de que ali tinha comida se espalharam...
|
“É um trabalho enriquecedor. As atitudes, o olhar deles de agradecimento, de alegria é inquestionável. Não tem como não gostar, não se envolver”, sente a dentista caravaneira Ângela Martins Gervásio. Em dois dias de atendimento no centro de acolhimento de Ambovombe, em Madagascar, já foram pelo menos 445 crianças que passaram por nossos voluntários e...
|
Eu tenho um sonho – disse Martin Luther King Junior, (em 28 de agosto de 1963, no seu famoso discurso), porque todos os homens são criados iguais. Eu tenho um sonho – disse Wagner Gomes Moura, que um dia a fraternidade se estenderá a todos os rincões da Terra, vencidas todas as barreiras, um mundo...
|
O cenário é inspirador. Uma mesa extensa cercada por crianças e adolescentes, ao ar livre, onde paira uma vontade imensa de aprender. Os olhos revelam imensa curiosidade diante dos copinhos com tintas e da argila. Os ouvidos estão atentos ao mundo de informações novas e estimuladoras. As mãos denunciam uma ansiedade latente para explorar os...
|
Artista plástica, madrinha e, para crianças e jovens de Moçambique, uma professora. Valéria Pinheiro saiu do Rio Grande do Sul para conhecer de perto os sorrisos que estampam suas telas. As obras foram parar na exposição “Mostra Artisti Brasiliani, Argentini, Portoghesi e Italiani”, no Vaticano. Participante da caravana de abril, Valéria mostrou as crianças e...
|
Um ano atrás, a Fraternidade Sem Fronteiras perfurou o primeiro poço em Muzumuia rumo à realização de um sonho: que famílias tivessem água para beber e cozinhar. Quando se fala em África, se descreve um cenário de ausência de água, em que muitas vezes crianças traçam caminhadas sem fim até os poços comunitários, que funcionam...
|
Mais que sinônimo de amor, ser mãe é um estado de espírito. O filho de Janile, que não chegou a nascer, a envolveu pelo amor materno que hoje lhe transborda aos olhos e ao coração, indo do Japão, passando pelo Brasil e chegando até a África. Do interior de São Paulo, faz 14 anos que...
|
Sobre o amor infinito e uma gratidão que não tem medida. Caravaneira, madrinha e mãe, a médica cardiologista Amanda Pereira viveu, aos 38 anos, a experiência mais transformadora de sua vida. Tirou do bolso o pouco que tinha numa visita às casas dos afilhados e, em troca, recebeu o que de mais valioso as famílias...
|
Imensa gratidão! Vovó Amélia, que quando encontramos estava sem comer a três dias, voltou a enxergar após a cirurgia de catarata. Quanta alegria! Hoje ela já não mais aperta o estômago para enganar a fome e teve seu sonho de voltar a enxergar realizado. Só temos a agradecer à vida por tudo isto!...