|
Imensa gratidão! Vovó Amélia, que quando encontramos estava sem comer a três dias, voltou a enxergar após a cirurgia de catarata. Quanta alegria! Hoje ela já não mais aperta o estômago para enganar a fome e teve seu sonho de voltar a enxergar realizado. Só temos a agradecer à vida por tudo isto!...
|
“Confesso que fazer está viagem dividindo vivências com amigos foi muito bom . Me despeço de Moçambique com este último post. Essa pequena me olhou ressabiada, cantou lindamente fora do ritmo, aceitou o cuidado resignada e o colo, com resistência. Me arrancou um mar de lágrimas e sorrisos e entrou no meu coração sem pedir...
|
Visitamos a casa de três irmãos órfãos, Julio, Agostinho e Carlos, em Machanganhane. Eles têm 14, 8 e 6 anos de idade. Ficaram órfãos quando o mais velho tinha 9 anos e, desde então, cuida sozinho dos irmãos. Visitam a casa de vizinhos na esperança de ganhar algo para comer, disseram. Foram descobertos pelo nosso...
|
Através da mulher moçambicana, guerreira, forte, amorosa, homenageamos todas as mulheres, de todas as culturas, de todas as classes sociais e de todas as profissões, que embelezam a vida com sua grandeza. Mulheres cis e transgêneras. Todas infinitamente dignas. Da fonte da vida e dos cuidados amorosos à riqueza da inteligência e do trabalho, devemos...
|
“Hoje atendemos uma garota de doze anos com uma anemia grave. Ela tinha ido ao hospital há três dias atrás com uma hemoglobina de 4,6 (muito baixa!) mas deram alta porque aqui não há banco se sangue. Hoje, quando a conhecemos, vimos a gravidade da situação e voltamos a encaminhá-la ao hospital, mas não quiseram...
|
Papá Wagner, como é carinhosamente chamado na aldeia, leva a caravana para visitar a vovó que morava embaixo de uma árvore. Ela foi acolhida pelo projeto e foi construída uma casinha para ela nos moldes locais. O mais interessante é que quem ajudou a construir a sua nova casa foram os jovens acolhidos pela fraternidade...
|
Vovó Talita, síntese do amor que move a Fraternidade! Encontrada em situação de fome extrema, amarrando panos à barriga para não sentir a dor do estômago há dias sem alimento… Vovó Talita motivou a fundação da unidade de Matuba, que hoje acolhe quase mil crianças. Os olhos tristes hoje refletem o sorriso grato e nos...
|
Domingo (6/03) visitamos a vovó Tefasse, em Matuba, de 98 anos, que vocês conheceram no post e vídeo que o DJ Alok fez após sua visita em novembro de 2016. Naquela ocasião a encontramos vivendo sozinha, sem comer há três dias, carregando água na cabeça, descalça, em sol escaldante. Estava faminta e cansada. Sensibilizou-nos a...
|
O Repórter Quaresmas da TVI de Portugal afirmou: “Tenho 25 anos de profissão e em nossa área de trabalho precisamos controlar as emoções, porém, nesta experiência aqui na Fraternidade Sem Fronteiras, não consigo ser imparcial e nem quero”. Arrematou dizendo aos caravaneiros, com lágrimas nos olhos: “serei mais um divulgador e padrinho deste projeto….” Sigamos...
|
“Caminhando pela aldeia de Matuba, a vida se revela seguindo seu curso… mais um lindo bebezinho vem ao mundo e a equipe médica da Fraternidade Sem Fronteiras presta o primeiro atendimento e assistência à mãe e ao recém nascido. Emoção enche os corações que batem juntos! Quer dar oportunidade a esse bebezinho? Com 50 reais...