NOTÍCIAS

Aqui você acompanha notícias com
as novidades dos projetos, os acontecimentos mais recentes e
as iniciativas em prol dessa causa de amor. ❤

230 pessoas são atendidas por ação promovida pelo Projeto Fraternidade na Rua, em Uberlândia-MG

Os atendimentos foram direcionados para a população em situação de rua

Por Marco Antonio Cruz – Assessoria de Imprensa FSF

O Projeto Fraternidade na Rua, polo de Uberlândia – MG, da Organização humanitária Fraternidade sem Fronteiras (FSF), promoveu neste domingo, dia 5, data em que também se comemorou o Dia Internacional do Voluntariado, uma ação de encerramento do ano que atendeu cerca de 230 pessoas em situação de rua, ao longo de todo o dia. A ação contou com a ajuda de de 120 voluntários envolvidos no objetivo de proporcionar acesso a serviços, alimentação, corte de cabelo, banho, atendimento médico, psicossocial e jurídico.

De acordo com Fernanda Nunes, uma das coordenadoras do Fraternidade na Rua Uberlândia, a experiência desta ação resulta no sentimento de respeito e igualdade entre os assistidos e voluntários.

“Esse dia, para mim, foi a constatação de que tudo que é realizado com amor e verdade, só pode nos levar na direção certa. Ver tantos corações servindo juntos, todos os detalhes cuidados com tanto carinho por todas as equipes, ver as atitudes de respeito de ambos, assistidos e voluntários, quando olho para um dia como esse só consigo nos enxergar mais uma vez como irmãos e iguais, pois é o que temos vivenciado todos os dias no Fraternidade na Rua Uberlândia, em todas as nossas ações, irmãos tendo um olhar amoroso e de respeito entre si”, contou Fernanda. 

Na ação foram entregues itens de higiene, compostos por sabonete, creme dental, escova dental, desodorante, papel higiênico, álcool gel e uma troca de roupa completa incluindo calçados. Todos os itens foram arrecadados, organizados e doados pelos voluntários. Uma equipe de cabeleireiros preparou kits de shampoo e condicionador, corte e tratamento de cabelo, além de escova para as mulheres, após o banho. Foram servidas três refeições sendo café da manhã, almoço e lanche da tarde, tudo preparado por 5 famílias de voluntários e servidos em formato self service no local.

Também foi realizado, por uma equipe de enfermagem, o atendimento médico com triagem; atendimento social, que coletou informações para desenvolvimento de projetos, e, de imediato, realizaram alguns encaminhamentos para o Caps AD e casas de acolhimento. Foi feito atendimento jurídico, coleta de dados para organização de documentação e direcionamentos que serão realizados nos próximos dias. Atividades recreativas também foram oferecidas com música ao vivo, artesanatos, desenhos, pinturas, montagem de bijuterias, jogos de dama e xadrez.

O afeto foi doado como itens básicos aos assistidos. Receberam lembranças compostas por mini panetones, pão de mel, livro “Minutos de sabedoria”, além de cartinhas escritas por alunos do Colégio Nacional. Para Giovanna Gadia, também coordenadora do Projeto, esta ação impacta na transformação do mundo e renova a esperança por meio do acolhimento.

“A ação deste domingo refletiu o nosso ano no projeto Fraternidade na Rua: abençoado trabalho, conexões de corações que aconteceram através do sorriso, da conversa, do afeto e da fraternidade. É um presente poder participar de momentos que enchem o coração de gratidão e renovam nossa esperança em um mundo transformado pelo acolhimento e cuidado com o próximo. Gratidão à Fraternidade Sem Fronteiras por nos proporcionar um caminho de mudança através do trabalho no Bem, da multiplicação do amor e da cultura da paz!”, relata Giovanna.

Projeto Fraternidade na Rua – em parceria com a Clínica da Alma, o projeto Fraternidade na Rua atua de forma expansiva na criação, manutenção e ampliação de diversas frentes de trabalho na transformação de pessoas em situação de rua no Brasil. É mantido pelo sistema de apadrinhamento, doações e mobilização de voluntários sensíveis a causa. 

Em Uberlândia, no triângulo mineiro, de janeiro a novembro deste ano foram 57 mil refeições entregues para pessoas em situação de rua e para famílias em bairros de extrema vulnerabilidade.

Sobre a Fraternidade sem Fronteiras – A FSF é uma Organização humanitária e Não-Governamental, com sede em Campo Grande (MS) e atuação brasileira e internacional. A instituição possui 68 polos de trabalho, mantém centros de acolhimento, oferece alimentação, saúde, formação profissionalizante, educação, cultivo sustentável, construção de casas e ainda, abraça projetos de crianças com microcefalia e doença rara. 

Todos os trabalhos são mantidos por meio de doações e principalmente pelo apadrinhamento. Com R$ 50 mensais é possível contribuir com um projeto e fazer a diferença na vida de muitas pessoas. Mais informações podem ser obtidas pelo site www.fraternidadesemfronteiras.org.br 

 

                       

         

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias