NOTÍCIAS

Aqui você acompanha notícias com
as novidades dos projetos, os acontecimentos mais recentes e
as iniciativas em prol dessa causa de amor. ❤

Acolhidos pela Fraternidade sem Fronteiras em Boa Vista, Roraima, recebem carteiras de trabalho e fazem currículos

O objetivo da ação foi facilitar o encaminhamento dos candidatos para o mercado de trabalho 

Por Taemã Oliveira  – assessoria de imprensa FSF – Boa Vista, RR

Os refugiados e migrantes venezuelanos dos dois centros de acolhimento do projeto Brasil, um coração que acolhe, da Organização humanitária Fraternidade sem Fronteiras (FSF), em Roraima: o São Vicente 2 e o 13 de Setembro, puderam receber carteiras de trabalho e elaborar currículos pela ação da também Organização Não-Governamental Visão Mundial. No total, foram entregues 30 carteiras de trabalho e feitos 30 currículos.

“Isso torna tudo mais fácil, por ser presencial e gratuito. Assim, quando aparecer um trabalho, eu já estou pronto”, disse Edir Tocuyo, de 33 anos, um dos acolhidos da FSF que participaram da ação, e que na Venezuela trabalhava com serviços gerais de carpintaria, limpeza e construção civil. 

Os currículos feitos durante a ação são cadastrados na plataforma Trabalho Brasil e distribuídos para empresas locais.  Para que os acolhidos possam participar das ações, o único pré-requisito é ter CPF. 

“Eles são bem preocupados em relação às vagas, sempre nos procuram para perguntar quando vão vir mais cursos, se vão ter mais ações, porque eles querem se capacitar e receber certificados”, explicou Juliana Oliveira, assistente de coordenação e assistente comunitária do Centro de Acolhimento São Vicente 2 – da FSF.

Os acolhidos ainda tiveram a oportunidade de acompanhar um vídeo com orientações sobre o funcionamento do mercado de trabalho no Brasil. A ONG Visão Mundial é parceira da FSF e tem como objetivo facilitar a empregabilidade e o empreendedorismo aos refugiados e migrantes venezuelanos.

Sobre o Projeto Brasil, um coração que acolhe – atua, desde outubro de 2017, com cinco frentes de trabalho para o acolhimento de refugiados e migrantes venezuelanos nos estados de Roraima e Amazonas, na região Norte do Brasil. As ações são com assistência psicossocial, educacional, médica, reinserção socioeconômica, integração cultural e interiorização.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias