NOTÍCIAS

Aqui você acompanha notícias com
as novidades dos projetos, os acontecimentos mais recentes e
as iniciativas em prol dessa causa de amor. ❤

“Tudo isso só aconteceu porque alguém apadrinhou esse projeto”

Mais um belo relato de uma caravaneira emocionada em reencontrar uma criança e sua mãe, ambos completamente diferentes e recuperados, 1 ano depois, em Madagascar.
Mais um belo relato que comprova que seu ato de amor faz a diferença.
Um belo relato que comprova que o mover em fraternidade sempre vale a pena.

“Aqui estamos nós em Ambovombe, Madagascar, chegando ao final de mais uma caravana. Como sempre histórias tristes ,bem tristes mesmo, com as quais não convivemos em nosso Brasil nos chegam. Nos deixamos abater, saímos um pouco pra respirar e até esconder o choro. Mas quero hoje falar de coisa boa. Quero falar de resgate de vidas, de esperança que se cumpriu.
Há 1 ano na primeira caravana a Madagascar encontramos o Cleveir que estava com desnutrição aguda.
E nessa caravana encontro novamente o Cleveir com sua mãe. É outra criança. E sua mãe outra mulher. Aquele ar de desconfiança e cansaço cedeu lugar a uma postura altiva e risonha diante da vida que lhe desponta nova. Junto aos seus outros filhos residem agora em uma das casas na Cidade da Fraternidade. Seu menino inscrito no programa para desnutridos da Fraternidade sem Fronteiras.Hoje na inauguração oficial fui conhecer sua maison. Dois cômodos, varanda, mobiliário e acima de tudo segurança, seu futuro não é mais incerto .
Tudo isso só aconteceu porque alguém apadrinhou esse projeto“.

Flavia Chiaini, médica caravaneira.

1 Comment to “ “Tudo isso só aconteceu porque alguém apadrinhou esse projeto””

  1. […] de 50% da população infantil sofre com a fome severa no país, casos como o de Ângelo, Tomovaro e Razana ainda são comuns em […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Gostou e se interessou por alguma? Venha fazer parte!