NOTÍCIAS

Aqui você acompanha notícias com
as novidades dos projetos, os acontecimentos mais recentes e
as iniciativas em prol dessa causa de amor. ❤

Venezuelanos acolhidos pela Fraternidade Sem Fronteiras participam de festa, em Campo Grande

Crianças imigrantes terão uma tarde de comemorações pelo dia de 12 de outubro

Por Laureane Schimidt, assessoria de imprensa

 

15 crianças venezuelanas, entre zero e quinze anos, vão participar no próximo sábado, 12 de outubro, da Festa das Crianças Imigrantes. Elas são acolhidas em Mato Grosso do Sul pelo grupo MS Acolhe, formado por voluntários, em apoio ao projeto Brasil, um coração que acolhe da Organização Humanitária Fraternidade sem Fronteiras. No estado, o grupo foi criado em 2017 para ajudar a interiorizar famílias venezuelanas que chegam ao Brasil pela fronteira com o estado de Roraima. A coordenadora do MS Acolhe, Elaine Oshiro, diz que estas festas de integração representam um momento de  acolhimento e aceitação para estes imigrantes. “Esta festa reúne diferentes povos. É uma mistura linda de culturas e nacionalidades e tem a importância de ser um momento de convívio entre eles resgatando a origem de cada um”, resume.

O evento do dia 12 de outubro é organizado pela Pastoral dos migrantes da Arquidiocese de Campo Grande e pela  catequese paroquial São Judas Tadeu, juntamente com as comunidades imigrantes de Campo Grande. 

MS Acolhe: Atualmente são 54 acolhidos. Quando chegam por aqui recebem uma casa alugada, alimentação, roupas, calçados e qualquer outra assistência necessária, como médica e odontológica. Além disso, um tutor fica responsável em encaminhar os adultos para uma vaga de emprego e as crianças para a escola. Por seis meses, os venezuelanos acolhidos não tem despesas com nada, tudo é custeado pelos acolhedores com a ajuda de doações de voluntários.

 

Festa das Crianças Imigrantes: Para as comemorações do próximo sábado, dia 12 de outubro, estão confirmadas 111 crianças imigrantes: 39 venezuelanos – sendo 15 do MS Acolhe, 52 haitianos e 25 paraguaios, além de 101 brasileiras. A festa será das 15h às 17h, no salão paroquial da São Judas Tadeu, em Campo Grande. Para festejar a data, as crianças vão participar com apresentações de danças e músicas além de estarem vestidas com as cores da bandeira do país de origem. Serão servidos lanche e doces, entregas de brinquedos, além de pula pula, pintura facial, e outras brincadeiras. 

 

Sobre a Fraternidade sem Fronteiras– A FSF é uma Organização humanitária e Não-Governamental, com sede em Campo Grande (MS) e atuação brasileira e internacional. A instituição possui 45 polos de trabalho, mantém centros de acolhimento, oferece alimentação, saúde, formação profissionalizante, educação, cultivo sustentável, construção de casas e ainda, abraça projetos de crianças com microcefalia e doença rara. 

 

Todos os trabalhos são mantidos por meio de doações e principalmente pelo apadrinhamento. Com R$50 mensais é possível contribuir com um projeto e fazer a diferença na vida de muitas pessoas. Entre seus maiores eventos estão: o IV Encontro Nacional Fraternidade sem Fronteiras, que será de 17 a 19 de abril de 2020, em São Paulo/SP/Brasil; e o I Encontro Internacional FSF, que será de 21 a 23 de agosto de 2020, em Biel/Bienne/Suíça. Mais informações podem ser obtidas pelo site www.fraternidadesemfronteiras.org.br e pelas redes sociais: instagram, facebook, youtube e twitter

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Gostou e se interessou por alguma? Venha fazer parte!