Blog

Ajude-nos a divulgar. Compartilhe esta história!

Rate This:

[Total: 14    Média: 3.4/5]

Exposição revela o trabalho dos caravaneiros da Fraternidade sem Fronteiras na África

| | Moçambique, Notícias

“O essencial em retratos” traz fotos e depoimentos dos que estiveram na caravana de Moçambique

Por Laureane Schimidt – Assessoria de Imprensa Sede FSF

15 fotos e seis depoimentos reúnem todas as emoções e experiências dos caravaneiros que estiveram em junho deste ano em Moçambique, na África. O grupo de 17 voluntários participou da viagem para conhecer e ajudar nos trabalhos da Organização Humanitária Fraternidade sem Fronteiras. Eles visitaram as aldeias de Muzumuia, Dingue, Chicualacuala B, Chicualacuala Rio e Mahatlane. “Nesses locais, fizemos atividades recreativas com as crianças, servimos as refeições diárias e fizemos doações de roupas. Além disso, conhecemos de perto as atividades desenvolvidas pela FSF”, relata o responsável pela exposição e autor das fotos, Danilo Sardinha. 

A exposição está no Parque Vicentina Aranha, em São José dos Campos (SP) até o dia 30 de janeiro de 2020. As fotos e os relatos mostram um pouco da realidade em Moçambique, divulgam o trabalho da Fraternidade sem Fronteiras e, principalmente, reforçam a importância de olhar e se importar com o próximo. “Procurei mesclar fotos que mostrassem as principais dificuldades, as alegrias, a união e o amor de quem está naquela região”, descreve Danilo, que, além disso, diz como surgiu a ideia da exposição.  “Quando voltei da caravana fiquei pensando em que eu poderia fazer em São José dos Campos em prol da causa da Fraternidade sem Fronteiras. Como eu tinha feito muitas fotos durante a caravana, meu irmão João Paulo deu a ideia de fazer uma exposição. A partir da ideia dele, vi que esse era o caminho que eu estava buscando e passei a trabalhar para realizar a exposição”, resume.


Caravanas da Fraternidade Sem Fronteiras: as viagens são a oportunidade para conhecer de perto as crianças acolhidas, os trabalhadores e o dia a dia nos centros de acolhimento da Fraternidade sem Fronteiras. As caravanas são organizadas para Moçambique, Madagascar e Malawi, na África Subsaariana e Roraima, no Brasil. Para participar é preciso ser madrinha ou padrinho e ter mais de 18 anos; todos os custos da viagem são de responsabilidade do caravaneiro. 


Danilo foi pela primeira vez em uma caravana e voltou com os melhores sentimentos no coração. “O sentimento é de gratidão por poder viver essa experiência. Foram dias que, com certeza, ficarão marcados para sempre na memória. O povo de Moçambique é lindo e nos ensina muito. Eles têm dificuldades, mas também têm muito para oferecer. Essa experiência na caravana serviu para reforçar em mim a ideia que a essência da vida é nos conectar com o próximo”, relata emocionado.

Serviço: Exposição “O essencial em retratos”
Local: Parque Vicentina Aranha – São José dos Campos (SP)

Visitação: até 30 de janeiro
Horário: das 9h às 21h (exceto nos dias 25/12 e 01/01)

Entrada de graça.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOPO